3 dez

A sociedade de serviços veio para ficar e neste contexto, as pessoas são o grande diferencial. Hoje, o verbo “saber” é mais importante do que o verbo “ter”. O conhecimento é a moeda mais valiosa.

A mudança de mundo que estamos vivendo causada por inúmeros fatores, mas principalmente, pelo advento da tecnologia e das novas ferramentas de comunicação é fato, mas para muitas empresas, principalmente aquelas que nasceram antes da transformação, ainda não conseguiram se adaptar ou mesmo entender o que está acontecendo.

Um exemplo deste cenário é a atuação de grandes empresas fornecedoras de ERP (Enterprise Resource Planning), como a SAP, TOTVS, Oracle entre outras que nasceram antes da era digital. Essas empresas trouxeram inovação e soluções tecnológicas de gestão para o mercado, mas que em geral, não acompanharam a evolução no que tange aos serviços, que são essenciais para o sucesso da implantação de uma ferramenta de gestão.

Neste contexto e com foco na prestação de um serviço com atendimento mais personalizado alinhado ao conhecimento técnico e de governança corporativa, surgiram consultorias independentes para atender às necessidades de empresas que já compraram ou tem interesse em adquirir um sistema de gestão.

A Prox, consultoria independente que há quase 10 anos oferece o melhor em soluções de TI e gestão para empresas, é um exemplo desta nova realidade que, por intermédio de profissionais altamente qualificados, visa o melhor resultado para os clientes com uma experiência memorável e utilização da tecnologia como meio para o alcance dos objetivos.

Não obstante a este novo momento de mundo, ao profissionalismo e nível de conhecimento técnico das consultorias independentes, ainda existem algumas dúvidas ou mitos que podem interferir na tomada da decisão mais adequada para os negócios.

Conheça os mais comuns neste vídeo ou texto a seguir.

  1. As consultorias independentes podem customizar um sistema ERP?

Sim. As consultorias independentes podem fazer modificação no ERP, desde que não interfira no código-fonte do software. De forma geral, os sistemas de gestão possuem pontos de entrada que permitem a personalização e inúmeras possibilidades de integração que possibilitam o melhor aproveitamento do sistema.

  1. As consultorias independentes podem vender licença de um sistema de gestão?

Não. As consultorias independentes não podem realizar a venda de licenças, que deverão ser adquiridas diretamente pelo dono do sistema ERP ou por consultorias homologadas. Importante ressaltar que as consultorias independentes não têm o direito à venda de ERP, mas podem realizar qualquer tipo de serviço relacionado ao sistema.

  1. As consultorias independentes podem oferecer suporte ao ERP?

Sim. Qualquer consultoria pode realizar o suporte ao ERP, independentemente do nível de complexidade, desde que tenha conhecimento técnico e background para tanto.

Normalmente, os suportes estão separados em níveis 1, 2 ou 3, sendo que o nível 1 está relacionado a dúvidas primárias dos clientes usuários do sistema; nível 2 para dúvidas que não foram resolvidas no nível anterior e nível 3, quando houver necessidade de desenvolvimento, modificação do software, melhorias e outras alterações mais complexas que precisam ser realizadas fora do ambiente de produção.

  1. Consultorias independentes podem implementar novos módulos ou novas funcionalidades no sistema de gestão?

Sim, qualquer consultoria independente que tenha background técnico, consultores especializados e cases de implementação que possa comprovar expertise em implementação de novas funcionalidades no ERP podem e devem prestar este serviço aos clientes.

  1. A integração entre dois ou mais sistemas ERP ou entre qualquer outra aplicação pode ser realizada por consultorias independentes?

Sim, qualquer consultor independente que tenha conhecimento técnico pode fazer implementação ou desenvolvimento de integrações.

Uma boa integração depende de um conjunto de fatores, mas essencialmente: de um bom gerente de projetos, desenvolvedores competentes, bons produtos e um sistema ERP adequado ao negócio da empresa.

  1. A demonstração de um produto pode ser realizada por uma consultoria independente?

Sim, desde que tenha o conhecimento necessário sobre o produto. Em geral, o dono do sistema ERP e consultorias homologadas terão uma vantagem sobre a demonstração, principalmente quando trata-se de novos produtos, mas não há nenhum impedimento para que um consultor independente realize uma apresentação técnica, desde que seja devidamente capacitado.

É importante verificar se o consultor independente tem experiência na implementação do novo produto em algum cliente e, principalmente, saiba quais os benefícios que o novo sistema poderá trazer no dia a dia da empresa.

  1. As consultorias homologadas podem vender produtos que não sejam do fabricante de ERP parceiro?

Não, as consultorias homologadas precisam ficar adstritas aos produtos do ERP parceiro por força de contrato, ao passo que as consultorias independentes oferecem, em geral, o sistema mais adequando às necessidades e realidade dos clientes, independentemente do fabricante.

As empresas possuem características próprias e estão em diferentes momentos, além das diferenças dos setores de atividades e, por essa razão, nem sempre produtos de uma única marca fornecedora de ERP será adequada para todo e qualquer tipo de organização.

  1. As consultorias independentes têm metas de vendas de serviços ou licenças vinculados a uma marca específica?

Por serem independentes, não possuem vínculo direto com o fabricante de um ERP específico e não têm obrigatoriedade de cumprir metas de vendas de serviços ou produtos de nenhum sistema.

Em geral, para manterem-se no mercado, as consultorias independentes precisam ser muito competentes, especializadas e sempre oferecer a melhor solução aos clientes, observando o melhor custo-benefício e a melhor solução sem ter a obrigatoriedade de oferecer produtos de determinada marca para o cumprimento de metas de vendas.

Por outro lado, as consultorias homologadas possuem metas de vendas para permanecerem parceiras de determinada fabricante do sistema ERP e precisam manter a exclusividade por força de contrato, afinal, o objetivo da parceria é aumentar cada vez mais o número de clientes e de licenças para a utilização do sistema de gestão.

  1. Consultorias independentes conseguem oferecer uma opinião imparcial quanto aos produtos disponíveis no mercado?

Tendo como foco a melhor solução para o cliente, as consultorias independentes precisam ser imparciais quanto aos produtos disponíveis no mercado.

Se a prestação do serviço não for diferenciada e não oferecer a melhor solução e experiência para o cliente, dificilmente uma consultoria independente sobrevive no mercado.

Quanto às consultorias homologadas, não há que se falar em imparcialidade, dado que por força de contrato, precisam indicar somente produtos da empresa parceira.

  1. É verdade que somente as consultorias homologadas podem fazer engenharia reversa do software?

Sim, as consultorias homologadas podem, mas em geral, somente o próprio fabricante do ERP realiza este procedimento. É raro, mas quando ocorre, é preciso “quebrar” o código para entender o que tem dentro do arquivo e resolver o problema.

Neste caso, há modificação do programa padrão e, por essa razão, não é possível que as consultorias independentes façam o procedimento.

  1. As consultorias independentes podem oferecer um serviço full service, que envolva tecnologia e gestão do cliente?

Sim, normalmente é maior diferencial das consultorias, dado que analisa o negócio do cliente como um todo, inclusive questões de orçamento, caixa, problemas na operação e utiliza a tecnologia como meio para resolver os problemas e maximizar os bons resultados.

Consultorias homologadas e donos de ERP, em geral, possuem foco na venda da tecnologia, no registro e processamento dentro do software e não na gestão. Exemplo deste fato, é o número de empresas que tem dificuldade em utilizar a ferramenta em razão de problemas de processos e gestão.

  1. Há algum problema relacionado à perda de garantia do sistema quando há a contratação de uma consultoria independente?

Não, a prestação de serviços pode ser realizada por qualquer consultoria, seja homologada, seja independente.

A garantia é vinculada ao produto e não ao serviço e, portanto, não há que se falar em perda de garantia do produto com a contratação de uma consultoria independente.

No caso da Prox, inclusive, é oferecido um seguro de responsabilidade civil para que o cliente fique ainda mais seguro com a contratação da prestação de serviço.

Importante ressaltar que não é permitido usar a tecnologia para “quebrar” o código do ERP, o que na prática, é muito raro que ocorra seja pela complexidade seja por não fazer sentido, dado ser outro o propósito da prestação de serviço.

 

Ficou com alguma dúvida? Fale comigo.

Renato Souza
SOBRE O AUTOR
Renato Souza – Diretor Comercial da PROX

Profissional especialista nos processos administrativos de controladoria com passagem pela TOTVS SA onde se especializou nas áreas fiscal e contábil. Atuou também em outras consultorias de ERP como analista e coordenador de projetos de implantação de ERP.

Facebook LinkedIn Skype 

Fechar

Nós entramos em contato com você!

[_post_title]